O motor 2 tempos não utiliza válvulas de admissão ou escape, mas é dotado de uma janela de transferência e uma janela de escape no cilindro. Além disso, ao contrário do motor 4 tempos, a carcaça do motor é estanque e um vácuo é produzido em seu interior conforme o pistão se move para cima. O vácuo faz com que a mistura ar-combustível seja aspirada através da janela de admissão.
Em seguida, a mistura ar-combustível é deflagrada e queimada, empurrando o pistão para baixo e fechando a janela de admissão.
Isto aumenta a pressão na carcaça do motor e a pressão aumentada faz com que uma mistura fresca seja aspirada no cilindro enquanto ao mesmo tempo faz com que o gás queimado seja descarregado através da janela de escape.